quarta-feira, 2 de novembro de 2016

QUESTÕES COMENTADAS DE SERVIÇO SOCIAL: Fundamentos


Ano: 2016 Banca: CESPE Órgão: DPU Prova: Assistente social
Julgue o item a seguir, acerca dos fundamentos históricos e teórico-metodológicos do serviço social e de sua institucionalização no Brasil.
O desenvolvimento do serviço social ocorreu no período que antecedeu a Segunda Guerra Mundial, com a expansão dos serviços sociais públicos.
Certo
Errado
Analisando a questão:
O período de 1930 a 1945 coincide com dois grandes fatores político-sociais: a Segunda Guerra Mundial (Europa) e o período do Estado Novo (Brasil), caracterizando o surgimento da profissão no Brasil, com influência europeia.
  A gênese do Serviço Social no Brasil se deu na década de 30, mas é  só a partir de 1945 que se observa uma expansão do serviço social no país, com o fortalecimento do capitalismo local e as mudanças mundiais decorrentes do período pós-guerra. Nessa ocasião, o serviço social tinha as seguintes características: assistencial, caritativo, missionário e beneficente (BAIERL, 2005).
O Estado assume as funções de zelar pelo disciplinamento e pela reprodução da força de trabalho, tarefas em que as instituições assistenciais desempenham um papel fundamental.
As práticas dos assistentes sociais eram absorvidas em grande intensidade pelas características das instituições, tais como: o CNSS – Conselho Nacional de Serviço Social (1938), a LBA – Legião Brasileira de Assistência (1942), o Senai – Serviço Nacional de Aprendizado Industrial (1942), o Sesi – Serviço Social da Indústria (1946) e a Fundação Leão XIII (1946), que tinham entre seus objetivos comuns proporcionar benefícios assistenciais indiretos aos trabalhadores urbanos e àqueles totalmente esgotados pelo sistema.
O fortalecimento profissional do assistente social no final dos anos de 1940 impulsiona a organização de congressos, cursos de reciclagem, criação, em 1945, da Associação Brasileira das Escolas de Serviço Social (Abess), em 1946, da Associação Brasileira de Assistentes Sociais (Abas), a criação do Código de Ética (1948) e, consagrando os esforços, a regulamentação do ensino (1954) e o reconhecimento da profissão (1956) (BAIERL, 2004).
O serviço social deixa de ser uma forma de intervenção política de determinadas frações de classes para ser uma atividade institucionalizada e legitimada pelo Estado e pelo conjunto do bloco dominante. Contudo, o serviço social mantém sua ação educativa e doutrinária de “enquadramento” da população cliente.
Gabarito Errado.

Referências bibliográficas:

BAIERL, L. F. A erosão do serviço social tradicional : contexto sociopolítico brasileiro.
Texto institucional para a disciplina Fundamentos Teóricos-Medodológicos do Serviço Social – FTM IV. São Paulo, 2004.

___. Um breve passeio pelo tempo: dos anos de 45 a 65 no Brasil e no mundo. Texto institucional para a disciplina Fundamentos Teóricos-Medodológicos do Serviço Social – FTM IV. São Paulo, 2005.

2 comentários: